quarta-feira, 24 de junho de 2015

Muitas vezes escolhemos o que falamos, mas não escolhemos o que ouvimos...!


Assim tem sido desde dos tempos de Jesus e dos apóstolos. Muitos usam o púlpito não para guiar as ovelhas no caminho da verdade, mas criam um falso caminho de prosperidade financeira que é uma grande ilusão.
E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.
E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.
E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.
2 Pedro 2:1-3
O texto é bem claro em dizer que por "avareza"! Isso é por causa de uma visão humana em riquezas perecíveis, farão da igreja de Deus um "negocio".
A Bíblia também diz que podemos até ouvir de tudo, mas devemos reter o que é bom.
Busque saber a verdade que liberta o homem da escravidão deste mundo e do pecado.
Que Deus venha a cada dia abrir os olhos da sua igreja para não viver um jugo imposto por homens como Pedro via acontecendo no seu tempo.
Oro para que a igreja busque a confrontar todas as mensagens a luz da Biblia, para não cair nas mentiras do diabo.
Inspiração: Espírito Santo.
Escrito por: Pr. Valdeni Martins Cecilio

Deus não divide a Glória Dele com ninguém!


Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.
Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna.
Gálatas 6:7-8
O poder é um grande perigo para todos os homens. Quando nos sentimos com poder, seja ele: Financeiro, social, profissional e principalmente religioso... Corremos um sério risco de ficarmos soberbos e achamos que "Deus dependente de nós".
Quando o homem se torna soberbo, ele passa a ser o centro, tudo tem que ser feito para ele, por ele e para a gloria dele. Aonde fica Deus, que é o criador de todas as coisas e único digno de toda honra e glorias?
Com isso o homem tenta reter para ele o que é exclusivo de Deus, a glória.
Como lemos nos versículos acima, Deus não aceita ser enganado, tudo que o homem tem plantado, um dia ele mesmo vai colher.
Um bom exemplo: O rei Nabucodonosor era muito poderoso e reteve a glória que era para Deus. Esqueceu que tudo que ele tinha, foi Deus que o abençoava para isso.
"Falou o rei, dizendo: Não é esta a grande babilônia que eu edifiquei para a casa real, com a força do meu poder, e para glória da minha magnificência? Dn.4.30"
Quantos não tem expressados que são poderosos e que só eles é que estão na direção certa?
Por causa da soberba do rei, Deus veio com o seu juízo.
Veja o que aconteceu com o rei:
Serás tirado dentre os homens, e a tua morada será com os animais do campo, e te farão comer erva como os bois, e serás molhado do orvalho do céu; e passar-se-ão sete tempos por cima de ti; até que conheças que o Altíssimo tem domínio sobre o reino dos homens, e o dá a quem quer.
E quanto ao que foi falado, que deixassem o tronco com as raízes da árvore, o teu reino voltará para ti, depois que tiveres conhecido que o céu reina.
Portanto, ó rei, aceita o meu conselho, e põe fim aos teus pecados, praticando a justiça, e às tuas iniquidades, usando de misericórdia com os pobres, pois, talvez se prolongue a tua tranquilidade.
Todas estas coisas vieram sobre o rei Nabucodonosor.
Ao fim de doze meses, quando passeava no palácio real de babilônia,
Falou o rei, dizendo: Não é esta a grande babilônia que eu edifiquei para a casa real, com a força do meu poder, e para glória da minha magnificência?
Ainda estava a palavra na boca do rei, quando caiu uma voz do céu: A ti se diz, ó rei Nabucodonosor: Passou de ti o reino
Daniel 4:25-31
O que seu poder humano poderia fazer para ajuda-lo?
O que a sua soberba poderia fazer nesse momento?
O que o seu exercito poderia fazer por ele?
Nesse momento percebemos que somos mortais e frages. E que só Deus é poderoso e digno de toda adoração e louvor!
Diante dos olhos de Deus ficamos nus.
Não ha nada que podemos esconder Dele!
Precisamos ser humildes com todos e principalmente com Deus. Não podemos reter a Gloria que é devida a Deus.
Inspiração: Espírito Santo.
Escrito por: Pr. Valdeni Martins Cecilio

Jesus está a procura dos DOENTES!


Quando ouvimos esta frase a primeira impressão é que esse doente é aquele que está na cama de um hospital ou caído em algum lugar. Jesus curou muitos doentes físicos, porem a maior preocupação de Jesus era com os doentes ESPIRITUAIS.
Como Ele mesmo se expressou:
E os escribas e fariseus, vendo-o comer com os publicanos e pecadores, disseram aos seus discípulos: Por que come e bebe ele com os publicanos e pecadores?
E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento
Marcos 2:16,17
O doente físico, vai ao médico e é indicado para ele um tratamento. Esse doente na esperança de melhorar segue o tratamento arrisca e recupera a saúde.
Porem os doentes espirituais, na maioria das vezes não reconhecem que precisam procurar o médico dos médicos que é Jesus. Quando vão á igreja carregam uma gama de preconceitos de tudo que vão ouvir. Recebem orientações Bíblicas e ignoram o tratamento. Qual é o resultado? Continuam doentes e as vezas passam boa porte da vida doentes e culpam a Deus.
Olha o diálogo de Jesus com os Fariseus!
Jesus dizia para eles: Eu não posso perder tempo com quem acha que está com saúde espiritual! Estou procurando os que estão tão doentes que gritam por socorro!
Quando o ser humano tem uma crise renal, é impossível ele não gritar de dor.
Assim precisamos fazer sem preconceitos gritar pela ajuda do Senhor Jesus.
Como o Cego de Jericó que gritou para Jesus: Jesus filho de Davi tem misericórdia de mim...
Jesus vendo o quanto aquele homem clamava pela sua ajuda, Jesus para para o ajudar.
Dizendo: Que queres que te faça? E ele disse: Senhor, que eu veja.
E Jesus lhe disse: Vê; a tua fé te salvou.
Lucas 18:41,42
Ele recebeu o milagre!
Muitos estão se tornando religiosos, e até pensam que não precisam mais de Jesus. Esses se consideram sãos. Porem Jesus não tem tempo para estes.
O ser humano é doente por natureza e sem a presença de Deus na nossa vida as nossas vestes brancas se tornarão cheias de sengue revelando a nossa natureza de pecado.
Eu sempre precisarei de Jesus!!!
Inspiração: Espirito Santo.
Escrito por: Valdeni Martins Cecilio

Corrida Guatemala


http://www.ticketagora.com.br/Evento/2047/CORRIDA+GUATEMALA+2015.aspx?origem=ticketagora

Perspectivas


Inscrições para o curso de Missões Perspectivas estão abertas!
Não perca a oportunidade!
Inicio das aulas: Julho/2015
"Perspectivas no Movimento Cristão Mundial é um curso dinâmico com 12 lições ensinado por líderes apaixonados por Deus e por Seu reino. Perspectivas promove reflexão, dando ênfase especial à tarefa inacabada de evangelização mundial. O curso ajuda o participante a considerar o propósito global de Deus a partir de quatro Perspectivas: Bíblica, Histórica, Cultural, Estratégica."
Maiores detalhes:

Pregadores pregam o EVANGELHO DE CRISTO!



Estamos vivendo um tempo de sequidão do Evangelho puro.
As pessoas se perguntam: “por que estão fazias e sem desejos de adorar a Deus?”
Porque muitos não tem coragem de pregar o Evangelho Puro. Com receio que as pessoas se desviam da igreja e abandonam a fé.
Paulo advertiu a Timóteo que pregasse somente a PALAVRA:
"Pregue a palavra, esteja preparado a tempo e fora de tempo, repreenda, corrija, exorte com toda a paciência e doutrina.
Pois virá o tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, sentindo coceira nos ouvidos, segundo os seus próprios desejos juntarão mestres para si mesmos.
Eles se recusarão a dar ouvidos à verdade, voltando-se para os mitos.
Você, porém, seja sóbrio em tudo, suporte os sofrimentos, faça a obra de um evangelista, cumpra plenamente o seu ministério" 2 Timóteo 4.2-5
Pregue com autoridade, não tenha medo de falar!
Se tem que exortar, exorte. Se é para corrigir, corrija... Pois muitos recusarão a dar ouvidos a Verdade. Porque buscarão palavras de autoajuda.
Já no tempo de Paulo, muitos escolhiam o que queriam ouvir. Porque o ser humano está em busca de palavra que venham de encontro ao seu ego e não a sua alma.
A palavra de Deus vem para nossos corações nos confrontando para mudanças. Essa mudança gera para muitos descontentamento.
Jesus quando falava abertamente para uma grande multidão, quase toda a multidão o deixou falando sozinho!
Fica uma pergunta: Porque a multidão deixou o salvador falando sozinho?
“Ao ouvirem isso, muitos dos seus discípulos disseram: "Dura é essa palavra. Quem consegue ouvi-la? " João 6.60
“Daquela hora em diante, muitos dos seus discípulos voltaram atrás e deixaram de segui-lo” João 6.60
Quando Jesus via a multidão se retirando, perguntou aos 12 discípulos:
"Vocês também não querem ir?" João 6 67.
Quem está disposto de ouvir o evangelho de forma simples, objetivo e direto?
Jesus conhecia o coração de todos e sabia quais eram os motivos que aquela multidão o seguia. Triste é para aqueles que seguem a Jesus pelos motivos errados, pois um dia será confrontado pela verdade e não aceitará ficar perto daquela que é santo, puro, verdadeiro, salvador...
Obs.: As pessoas deixaram Jesus o salvador. Sair da igreja ou do templo não significa que a pessoas está deixando Jesus. Infelizmente, muitos líderes usam o púlpito para os motivos errados e com isso as ovelhas procuram outra igreja.
Se você meu irmão saiu da igreja, não significa que você abandonou Jesus. Continue mantendo sua comunhão com Ele e busque uma igreja que você se sinta bem e que possa se desenvolver no ministério.
Pedro respondeu a pergunta de Jesus:
“Simão Pedro lhe respondeu: "Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras de vida eterna” João 6:68
Não importa o que ouvimos de Deus, não podemos abandona-lo.
Não deixe Jesus por nada, mantenha ligado a Ele. Pois Ele é a videira que estamos ligados e sem Ele morremos.
Fique na paz.
Inspiração: Espirito Santo
Escrito por: Pr. Valdeni

quinta-feira, 26 de março de 2015

Abraão era judeu?



Pergunta: "Recentemente alguém me disse que Abraão não era judeu, mas caldeu. Também Isaque e Jacó não teriam sido judeus. Somente depois do filho de Jacó, Judá, eles teriam se tornado judeus (tribo de Judá). Tenho outra opinião, porque em Gênesis 11.10ss são mencionadas as gerações de Sem, onde aparece também Abraão. Pois os judeus vêm da descendência de Sem (semitas). E Abraão, em geral, é tido como patriarca dos judeus. Minha opinião está correta ou estou enganado?"


Resposta: Na verdade Abraão ou Abrão, como ele se chamava inicialmente, não era judeu de berço. Gênesis 11.26-28 diz em relação à sua origem: "Viveu Tera setenta anos e gerou a Abrão, a Naor e a Harã. São estas as gerações de Tera. Tera gerou a Abrão, a Naor e a Harã; e Harã gerou a Ló. Morreu Harã, na terra de seu nascimento, em Ur dos caldeus, estando Tera, seu pai, ainda vivo." Sobre Ur lemos num dicionário bíblico: "Cidade muito antiga no sul da Babilônia, que se indentifica como Tell el-Muqayyar; ela estava situada na margem direita do rio Eufrates, a meio caminho entre Bagdá e o Golfo Pérsico. Tera e seus filhos – entre eles Abrão – nasceram em Ur e de lá se mudaram para Harã". Portanto, a pátria de Abraão ficava na Babilônia. Josué também salienta isso no seu "discurso à nação": "...Assim diz o Senhor, Deus de Israel: Antigamente, vossos pais, Tera, pai de Abraão e de Naor, habitaram dalém do Eufrates e serviram a outros deuses" (Js 24.2). Abraão de fato descendia de Sem, portanto era um semita, mas ele servia a quaisquer outros deuses babilônicos. Ter origem semítica ainda não significava ser o patriarca de Israel, mas simplesmente que Canaã lhe seria submisso, seria seu servo (Gn 9.26).

A mudança só ocorreu em Gênesis 12. Ali houve um acontecimento que não apenas desestruturou o pequeno mundo de Abraão, mas que teve conseqüências que vão perdurar até o fim dos tempos. O Deus Soberano, o Criador dos céus e da terra, chamou um único homem, ordenou-lhe que deixasse sua terra e partisse para uma terra distante que Ele lhe mostraria. O Senhor não lhe disse o nome dessa terra. Por isso, Abraão não sabia em que se envolveria, mas creu na promessa que lhe foi dada a seguir: "de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma bênção!" (Gn 12.2). Embora somente seu neto Jacó tenha recebido o nome de Israel (Gn 32.28), isto não muda o fato de Abraão ser o patriarca do povo de Israel. Pois Abraão, Isaque e Jacó sempre são mencionados em conjunto, por exemplo, em Gênesis 50.24; Êxodo 33.1; Levítico 26.42; Números 32.11; Deuteronômio 1.8; Mateus 1.2; Lucas 13.28; Hebreus 11.8-9 e assim por diante. A base para isso é e continuará sendo a aliança de Deus com Abraão.


O nome "judeus" muitas vezes é usado como sinônimo de Israel, mas deveríamos lembrar que isso não é historicamente exato, pois o reino de Davi se dividiu depois da morte de Salomão (930 a.C.). Formou-se, por um lado, o Reino do Norte (as dez tribos de Israel) e, por outro lado, o Reino do Sul (as duas tribos de Judá, os descendentes de Judá e Benjamim – veja 1 Reis 12). Depois do cativeiro babilônico, o nome "judeus" é usado de modo geral para os habitantes da Judéia. É interessante que no Novo Testamento Jesus é chamado de "Rei dos judeus" pelos estrangeiros (Mt 2.2; Mt 27.11, etc.), enquanto os próprios judeus o chamaram de "rei de Israel" (Mt 27.42). Atualmente não importa mais se um judeu ou uma judia descende de Judá, de Benjamim ou de qualquer uma das outras dez tribos. Usa-se a designação "judeus" genericamente para uma comunidade étnica que sobreviveu apesar de séculos de perseguição, porque Deus confirmou Sua aliança com Israel através de um juramento e conduzirá Seu povo para o alvo! (Elsbeth Vetsch)