quarta-feira, 24 de junho de 2015

Deus não divide a Glória Dele com ninguém!


Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.
Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna.
Gálatas 6:7-8
O poder é um grande perigo para todos os homens. Quando nos sentimos com poder, seja ele: Financeiro, social, profissional e principalmente religioso... Corremos um sério risco de ficarmos soberbos e achamos que "Deus dependente de nós".
Quando o homem se torna soberbo, ele passa a ser o centro, tudo tem que ser feito para ele, por ele e para a gloria dele. Aonde fica Deus, que é o criador de todas as coisas e único digno de toda honra e glorias?
Com isso o homem tenta reter para ele o que é exclusivo de Deus, a glória.
Como lemos nos versículos acima, Deus não aceita ser enganado, tudo que o homem tem plantado, um dia ele mesmo vai colher.
Um bom exemplo: O rei Nabucodonosor era muito poderoso e reteve a glória que era para Deus. Esqueceu que tudo que ele tinha, foi Deus que o abençoava para isso.
"Falou o rei, dizendo: Não é esta a grande babilônia que eu edifiquei para a casa real, com a força do meu poder, e para glória da minha magnificência? Dn.4.30"
Quantos não tem expressados que são poderosos e que só eles é que estão na direção certa?
Por causa da soberba do rei, Deus veio com o seu juízo.
Veja o que aconteceu com o rei:
Serás tirado dentre os homens, e a tua morada será com os animais do campo, e te farão comer erva como os bois, e serás molhado do orvalho do céu; e passar-se-ão sete tempos por cima de ti; até que conheças que o Altíssimo tem domínio sobre o reino dos homens, e o dá a quem quer.
E quanto ao que foi falado, que deixassem o tronco com as raízes da árvore, o teu reino voltará para ti, depois que tiveres conhecido que o céu reina.
Portanto, ó rei, aceita o meu conselho, e põe fim aos teus pecados, praticando a justiça, e às tuas iniquidades, usando de misericórdia com os pobres, pois, talvez se prolongue a tua tranquilidade.
Todas estas coisas vieram sobre o rei Nabucodonosor.
Ao fim de doze meses, quando passeava no palácio real de babilônia,
Falou o rei, dizendo: Não é esta a grande babilônia que eu edifiquei para a casa real, com a força do meu poder, e para glória da minha magnificência?
Ainda estava a palavra na boca do rei, quando caiu uma voz do céu: A ti se diz, ó rei Nabucodonosor: Passou de ti o reino
Daniel 4:25-31
O que seu poder humano poderia fazer para ajuda-lo?
O que a sua soberba poderia fazer nesse momento?
O que o seu exercito poderia fazer por ele?
Nesse momento percebemos que somos mortais e frages. E que só Deus é poderoso e digno de toda adoração e louvor!
Diante dos olhos de Deus ficamos nus.
Não ha nada que podemos esconder Dele!
Precisamos ser humildes com todos e principalmente com Deus. Não podemos reter a Gloria que é devida a Deus.
Inspiração: Espírito Santo.
Escrito por: Pr. Valdeni Martins Cecilio

Nenhum comentário:

Postar um comentário