terça-feira, 13 de março de 2018

Com quem somos mais parecidos?





A pergunta é: cada dia que passa nós cristãos, estamos mais parecidos com Jesus ou com os religiosos do tempo Bíblico?
Para compararmos segue modelo de exemplos:
Jesus - orava, jejuava, passava mais tempo pregando fora do templo do que dentro, aconselhava prostituta e adultera, se aproximava de leprosos, visitou o tanque de Betesda que só tinha doentes, chorou com a família de Lazaro, lavou os pés dos discípulos para deixar o exemplo de humildade, resistiu os religiosos com dureza e publicamente, morreu por obediência ao Pai...

Religiosos - Jejuavam mas faziam questão de falar para todos, oravam nos praças para serem vistos, oravam nas casas das viúvas com desejos de possui-las, diziam que os filhos podiam desonrar os pais, pregavam na maiorias das vezes no templo, seus sermões eram vazios (sem iluminação de Deus), perseguiam o filho de Deus, honravam a Deus só com lábios, orava do lado do irmão e se considerava melhor e mais digno de benção de Deus, andava com a Lei nas mão e não praticava, conhecia de cor a Lei, mas não viviam, acusavam a todos e só eles não pecavam, queriam os primeiros assentos para serem vistos, tinham inveja de Jesus por causa da sua popularidade, invejavam de Jesus porque não podiam fazer os milagres que ele fazia, matou Jesus para eliminar a concorrência...
Estamos mais próximos de quem?

Nenhum comentário:

Postar um comentário